Escrita

Mesmo que o medo ainda seja maior

43e850_748c77d3674442d3bc138c495a56a2b3-mv2.jpg

Passamos mais tempo nos verões passados do que nos presentes. Tanto tempo à frente a passar depressa, ignorado.
Não aproveitamos o frio, o tempo dos casacos e das botas. Não dançamos na chuva à espera das festas de verão.
Vivemos a vida com medo de mudanças. Prevenidos, mas nunca preparados. Elas vêm na mesma, se for preciso até na mesma forma em que já vieram antes só para nos frustrar. Não aceitamos que a vida é feita de muita, muita coisa e nem sempre vai estar tudo bem. Mas também, nem sempre vai estar tudo mal.
Na verdade, nunca está “tudo bem” nem “tudo mal”, nós é que só olhamos para algumas coisas e não vivemos a vida toda.
O tempo vazio, como uma folha branca, à nossa frente para ser preenchido de memórias, e nós de canetas no bolso. Apáticos. De olhos presos no que já foi feito.
Admiramos o que foi bom e tememos irracionalmente que o que foi mau se repita.
E assim não somos livres, não somos nada. Não somos cheios, somos cheios do vazio das memórias que nos faz sorrir de vez em quando, mas depois nos deixa na realidade fria que não queremos aquecer com medo de uma queimadura qualquer.
Há quanto tempo não sentimos aquele frio na barriga? A ansiedade e a incerteza que nos aceleram o coração e fazem o que é bom, saber ainda melhor no final!
Desde quando é que o medo se tornou maior que a vida, maior que a vontade, maior que nós?
Vamos. Mesmo que o medo ainda seja maior.
Aproveitar o que é possível. Para o passado já não há possibilidades. Que a nossa vida seja nossa e não dos receios.
Vamos. Mesmo que o medo ainda seja maior.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s